Circuito se despede nesta sexta-feira 13 com destaque para a literatura fantástica

O ponto alto do último dia do Circuito Cultural Digital de Pernambuco será o lançamento da Cepe Editora Não me empurre para os perdidos,  de Maurício Melo Júnior. A live será na próxima sexta-feira , às h, com mediação da jornalista e crítica literária Gianni Paula de Melo. A programação do dia abrange ainda uma variedade de temas: das atividades infantis a lives sobre xilogravura e cordel. O evento é uma realização da Companhia Editora de Pernambuco Cepe, com curadoria da Fundação Gilberto Freyre. A última edição do ano será de a de dezembro.

A narrativa de Maurício Melo Júnior se passa em Pernambuco, na década de . Qualquer recifense ligado em sua própria história reconhece lugares e fatos icônicos do período, enriquecido por supostos diálogos do protagonista da trama, o escritor F., com intelectuais da época. Provavelmente a misteriosa identidade de F. é uma referência ao escritor tcheco Franz Kafka.

Na agenda, a literatura fantástica também ganha força com a participação do escritor, roteirista e dramaturgo André Vianco. O convidado é considerado um dos mais renomados autores do gênero no Brasil. A live “Fantasia e terror à brasileira”, com o autor do best-seller Os sete, será às h, mediada pelo jornalista Renato Mota.

Neste bate-papo André falará sobre sua trajetória, como elabora seus personagens e cria as narrativas de suas histórias fantásticas, de terror e suspense.

Mas os destaques do dia começam logo pela manhã, às h, com bate-papo sobre Xilogravura e cordel, o encontro da rima com o entalhe. Desta discussão participarão a poeta e ilustradora de livros infantis e juvenis Nireuda Longobardi, e o poeta e cordelista Marcelo Soares.