Confira os vencedores do 1º Prêmio Machado DarkSide de Literatura

A DarkSide Books, primeira editora brasileira inteiramente dedicada ao terror, fantasia e suspense, junto aos seus parceiros mais que especiais e apoiadores da leitura em nosso país, anuncia nesta sexta-feira os ganhadores do º Prêmio Machado DarkSide de Literatura, quadrinhos e outras narrativas.

Com mais de cinco mil inscrições realizadas em um período de dois meses, a Comissão Avaliadora da editora chegou a um veredito para premiar criadores nacionais em cinco categorias com mil reais, contratos editoriais, e um troféu dark muito especial. “O Prêmio Machado alcançou um número muito maior do que esperávamos e de enorme relevância dentro de um mercado em transformação”, diz Christiano Menezes, diretor editorial da casa.

Cada um dos . inscritos trouxe ao mundo a sua verdade e expôs o seu coração, comprovando que a palavra vive, e que a arte no país ainda pulsa. A DarkSide Books agradece a todos que ajudaram a escrever um novo capítulo na história da nossa literatura.

Uma distopia humana, sombria, visceral, potente, violenta, e repleta de horror. Na obra, acompanhamos um professor negro, falido, preso a uma cadeia de acontecimentos inescapáveis que o levam a uma jornada rumo a própria degradação física e psicológica, a partir do momento em que é capturado, confinado e obrigado a fazer parte de um ringue de lutadores formado por párias sociais digladiando-se a gosto de espectadores da alta social.

Bruno Ribeiro Campina Grande, PE funde e distorce vários gêneros e subgêneros — da ficção pulp ao revisionismo histórico —, compondo um enredo que combina entretenimento com crítica social dura. Em meio a esse mapa movediço de gore, niilismo e visões estranhas, ainda oferece uma abordagem muito íntima e complexa sobre ancestralidade, legado, apagamento e racismo.

Uma graphic novel sensível e emocionan